Advocacia: Machine Learning e Inteligência Artificial na pauta

Tecnologias como Machine Learning e Analytics darão a possibilidade de organizar e analisar um número muito maior de informações. Todos os dias descobrimos novas tecnologias para apoiar advogados, liberando-os para focar nas questões complexas que dependem da ação humana

Mattos Filho + Dedalus

Há cerca de um ano, Leonardo Brandileone, gerente de Tecnologia e Conhecimento do escritório Mattos Filho, deu uma entrevista para a terceira edição da Atmosfera Dedalus. Na ocasião, fomos apresentados a um escritório de advocacia que tinha a exata consciência da necessidade e, principalmente, dos benefícios de migrar para o mundo digital, a partir da computação em nuvem. Foi uma grata surpresa na época e, ao decidirmos por essa segunda conversa, tínhamos uma grande expectativa sobre o que nos aguardava após esses 12 meses.

Logo no início do bate-papo os temas Inteligência Artificial, Machine Learning e Big Data surgiram naturalmente o que resultou em excelentes informações, como as que destacamos nas próximas linhas desse artigo.

Atmosfera Dedalus – Qual dessas novas tecnologias vem lhe chamando mais a atenção?

Leonardo Brandileone – Inteligência Artificial (IA) tem tudo para ser muito útil em nosso segmento de atuação, a Advocacia. O conceito está em amadurecimento no mercado e deve trazer benefícios no médio e longo prazo.

Atmosfera Dedalus – O que você pode dizer de Big Data/Analytics e Machine Learning?

Leonardo Brandileone – Assim como em IA, estamos pesquisando muito sobre Big Data/Analytics e Machine Learning. À medida em que aprendemos sobre essas novas tecnologias, vemos que aspectos como o alto poder de processamento (cada vez maior) e a eficiência dos algoritmos desenvolvidos impulsionam fornecedores e usuários no caminho de sua utilização. Podemos exemplificar com a evolução de ofertas de Big Data para ambientes internos das empresas ou para ambientes de nuvem, que finalmente se desvencilharam do tradicional modelo de BI.

Atmosfera Dedalus – E já existem soluções especificas para o Direito?

Leonardo Brandileone – Tenho visto soluções especificas para outros segmentos (Agronegócio, Finanças, etc.), mas para o Direito ainda são pontuais. Tenho absoluta convicção de que essas soluções precisarão ser criadas a quatro mãos. Já tive algumas conversas com a Dedalus para entender como aplicar essa tecnologia ao nosso negócio. Manusear com agilidade a nossa imensa base de dados que cresce fortemente a cada dia, nos permitirá aumentar ainda mais produtividade e eficiência, além de aprimorar a experiência do nosso cliente.
O grande desafio é fazer a gestão do conhecimento. E quem não investir nessas novas tecnologias vai ter dificuldades em um futuro bem próximo, que está cada vez mais digital. E quando falamos em colaboração, é preciso definir a estratégia para fazer uso desse conhecimento.

Atmosfera Dedalus – E existe uma fórmula para o sucesso dessa jornada?

Leonardo Brandileone – Em TI não existem fórmulas mágicas. Se eu pudesse resumir em uma expressão seria “temos que abraçar os dados”. Mas precisam estar estruturados e ricos em qualidade, com a certeza de que nem todo dado capturado resultará em boa informação. Nesse momento, estamos conversando com parceiros para identificar casos de uso que possam ser customizados para as demandas e necessidades do nosso escritório. Além disso, é fundamental que consigamos entender o retorno que essas soluções irão trazer. Como falei logo no início, estamos estudando a fundo essas novas tecnologias e trazendo para a realidade do escritório. O grande objetivo é utilizar soluções de Inteligência Artificial.

Atmosfera Dedalus – Qual o caminho para a implementação de soluções de IA?

Leonardo Brandileone – Essa jornada requer, inicialmente, que os dados sejam bem trabalhados. Acredito que Mac

hine Learning terá grande destaque e o melhor método para agilizar esse processo consiste em iniciar com o desenvolvimento de módulos pequenos, que podem ser construídos e testados em pouco tempo. Optamos por trabalhar com Provas de Conceito (POCs) que sejam fáceis de validação e permitam entregas rápidas para que possamos avaliar o que realmente tem valor. Encontrar profissionais com perfil de Cientista de Dados e que conheçam sobre nosso negócio tem se mostrado um grande desafio. Já estamos avaliando a alternativa de treinar e capacitar alguns dos profissionais da equipe interna.

Atmosfera Dedalus – Algum outro desafio?

Leonardo Brandileone – Sem dúvida, o entendimento da linguagem natural é o maior desafio. Apesar disso, já existem diversas soluções em inglês aplicadas ao Direito. Mas quando falamos de Brasil, há barreiras como o idioma português, o vocabulário utilizado nos processos jurídicos e a forma de comunicação do cidadão brasileiro.

Atmosfera Dedalus – Como gostaria de finalizar essa nossa conversa?

Leonardo Brandileone – Na Advocacia, o grande diferencial é a qualidade do trabalho e as relações de confiança. Tanto nos escritórios quanto no Poder Judiciário, existem muitos procedimentos e conteúdos repetitivos que estão em fase de automatização para reduzir o tempo de execução de diversas operações de dias para minutos. Por exemplo: temas mais corriqueiros, para os quais já existe um posicionamento definido. Por outro lado, temas similares com decisões diferentes, podem ser identificados por sistemas automatizados e apresentados, de maneira segura, rápida e simples aos profissionais do Direito, facilitando o trabalho de análise.

Tecnologias como Machine Learning e Analytics darão a possibilidade de organizar e analisar um número muito maior de informações. É provável que advogados e juízes passem a utilizar mais gráficos em suas argumentações e que sejam demandados a entender e fazer uso de ferramentas de análise de dados. Todos os dias descobrimos novas tecnologias que são desenvolvidas no intuito de apoiar aos advogados, liberando-os para focar cada vez mais no negócio e em questões complexas que dependem da ação humana. Observamos, também, o crescimento exponencial de tecnologias para armazenamento e processamento de dados, como a computação em nuvem, que propicia o acesso de forma segura, rápida e confiável a volumes de informações gigantescos, a custos mais acessíveis.

Flexibilidade, escalabilidade e suporte contínuo são aspectos importantes do modelo Cloud que é o grande viabilizador e o caminho inevitável para a Transformação Digital em maior ou menor grau, em todas as empresas, independentemente de porte ou segmento. Já identificamos players de soluções de Cloud direcionados a segmentos diferenciados, o que é uma boa notícia para os gestores de áreas de Tecnologia da Informação.

Material publicado na edição 5 da revista Atmosfera Dedalus 

Adote a nuvem no seu negócio também

Fale conosco agora
Ilustração de integração (IpaaS) em nuvem

Assine a Newsletter